Fato Nº 5.

Armênios no mundo do esporte vão de príncipes que participavam nos Jogos Olímpicos antigos até campeões mundiais modernos.

Esportes e jogos têm naturalmente feito parte da cultura armênia há muito tempo. Os registros históricos mostram dois príncipes armênios, mais tarde reis, que participaram nos Jogos Olímpicos antigos originais – Trdat III venceu a luta durante os 265º Jogos Olímpicos realizados em 281 dC, e Varazdat, que venceu o evento de boxe dos 291º Jogos Olímpicos, que aconteceram no ano de 385.

Os armênios continuaram seus esforços atléticos enquanto o cenário esportivo moderno progrediu ao longo dos últimos cem anos ou mais. Havia clubes organizados e grupos dedicados a várias atividades esportivas no Império Otomano. A primeira representação do Império Otomano nos Jogos Olímpicos modernos – em Estocolmo, em 1912 – aconteceu com dois armênios sob a bandeira da lua crescente e da estrela.

No entanto, foi a bandeira da URSS que foi levantada pelo primeiro armênio Olímpico vencedor de medalha – Hrant Shahinyan, campeão soviético em ginástica, que ganhou durante os Jogos Olímpicos de 1952, realizados em Helsínquia. Luta (wrestling) e levantamento de peso são dois outros esportes em que os armênios particularmente se destacaram no cenário mundial e nos Jogos Olímpicos ao longo dos anos.

Definitivamente a Armênia está em primeiro lugar em eventos internacionais do mundo do xadrez, desde os tempos soviéticos, quando Tigran Petrosian se tornou um nome familiar na década de 1960. Levon Aronian é uma celebridade na República da Armênia hoje seguindo a mesma linha.

Mas, é claro, é o futebol que tem o maior apoio popular. O Ararat Football Club ainda é altamente considerado no país por sua vitória no Campeonato Soviético de 1973. A posição da Armênia hoje no desafiador cenário futebol europeu tem ficado mais forte ao longo dos últimos anos, embora o país não tenha chego a uma Copa do Mundo ainda. Jogadores como Henrikh Mkhitaryan (cuja página do Facebook acumula mais de um milhão de likes), Yura Movsisyan e Edgar Manucharyan, entre outros, servem como modelos para uma nova geração de jovens armênios hoje, enquanto Youri Djorkaeff, que jogou para a França – incluindo a vitória durante a Copa do Mundo de 1998 – é um excelente exemplo de um armênio da diáspora com os dois pés no campo dos esportes. A notícia do falecimento de Aleksan Dadyan foi recebida com muita tristeza na Turquia. Ele era um goleiro famoso no país, e um amigo do primeiro-ministro Erdogan, que já foi jogador de futebol.

Outros exemplos da Diáspora incluem o conhecido jogador armênio-argentino de tênis, David Nalbandian, ao lado de um grande nome no mundo do tênis, Andre Agassi. A comunidade armênio-americana também reconhece os nomes de Steve Sarkisian e Jerry Tarkanian, treinadores de futebol e de basquete americano, respectivamente.

Comunidades da diáspora muitas vezes apresentam grupos atléticos envolvidos em vários esportes ou artes marciais, e eles tendem a realizar torneios locais ou regionais em uma base regular. Tais atividades foram levadas para um nível totalmente novo com a independência armênia em 1991, depois que os Jogos Pan- armênios foram organizados. Eles aconteceram pela primeira vez em 1999, e tem sido uma ocorrência regular, com milhares de atletas armênios jogando uns contra os outros no basquete, futebol, natação, xadrez e outros esportes, como representantes de suas vilas e cidades na Armênia ou como comunidades da diáspora de todo o mundo. Os primeiros Jogos Pan-armênios de Inverno ocorreram entre fevereiro e março de 2014.


Referências e Outras Fontes

1. Sammy Sucu. “The 10 Most Influential Armenians in Sports History”, Bleacher Report, April 24, 2012
2. Arman Sanentz. “Armenian Olympians: Ancient Olympiads to London 2012”, The Armenian Weekly, August 13, 2012
3. The Armenian Genocide Museum-Institute. “Armenian Sport Life in the Pre-WWI Ottoman Empire
4. World Committee of the Pan-Armenian Games
5. “Մահացել է Էրդողանի ընկեր և թուրքական ֆուտբոլի լեգենդ Ալեքսան Տատյանը”, Civilnet, March 4, 2014 (in Armenian)
6. Wikipedia: “Sport in Armenia
7. Wikipedia: “Pan-Armenian Games


Artigo Original

100y100f_005_ArmeniansinSports

Legenda da Imagem

Armênia na cerimônia de abertura da Olimpíada de Inverno de 2010, em Vancouver, Canadá.


Atribuição e Fonte

Por Jude Freeman (originally posted to Flickr as _MG_4707) [CC-BY-2.0], via Wikimedia Commons


Fatos Recentes

…e o povo armênio continua a lembrar e pedir justiça

Fato Nº 100

…e o povo armênio continua a lembrar e pedir justiça

…enquanto minorias na Turquia são frequentemente limitadas em suas expressões por políticas de Estado…

Fato Nº 99

...enquanto minorias na Turquia são frequentemente limitadas...

O teleférico mais longo do mundo foi inaugurado na Armênia em 2010

Fato Nº 97

O teleférico mais longo do mundo foi inaugurado na Armênia em 2010